Ministro de Angola quer mudança tecnológica dos Correios

2020-06-07
Fonte: Jornal de Angola
Foto por: Correios de Angola

O Ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem, deixou, ontem, orientações “concretas” visando a modernização tecnológica da Empresa Nacional de Correios e Telégrafos de Angola (Correios de Angola).

A orientação foi deixada durante uma visita de avaliação ao estado da instituição. O Ministro quer que seja rapidamente suprida as carências, como falta de meios informáticos, assim como assegurar a eficiência da empresa. Manuel Homem defendeu, igualmente, a necessidade de as empresas do sector se tornarem modelos de gestão moderna, rentável e operacional, para apoiar o desenvolvimento social e económico do país.
Acompanhado pelos Secretários de Estado, o Ministro sublinhou que há uma estratégia de médio e longo prazo de apoio aos funcionários para que ajudem na eficiência e produtividade exigidas. A Presidente do Conselho de Administração dos Correios de Angola, Luísa Andrade, disse que o desafio da empresa é torná-la autossustentável, com foco no negócio expresso em logística e de carga.
A PCA adiantou que a receção do correio se mantém estável, apesar da pandemia da Covid-19. A empresa existe há 220 anos e conta, atualmente, com 920 trabalhadores. Ainda ontem, o Ministro avaliou o funcionamento da Gráfica Popular. Miguel Homem descartou a privatização daquela empresa do sector que dirige.

Maio 2020

 

Bookmark and Share