Sede da ARECOM acolhe encontro com dirigentes do sector dos transportes e comunicações

2020-02-09
Fonte: ARECOM
Foto por: ARECOM

O novo Ministro dos Transportes e Comunicações (MTC) de Moçambique, Janfar Abdulai, reuniu-se, no passado dia 21 de janeiro, pela primeira vez, com dirigentes das instituições e empresas tuteladas pelo seu pelouro. O encontro teve lugar no Auditório Salomão Júlio Manhiça, na sede da Autoridade Reguladora das Comunicações (INCM), em Maputo.

Participaram quadros seniores do Ministério dos Transportes e Comunicações (MTC), Instituto Nacional das Comunicações de Moçambique (INCM), Instituto Nacional de Meteorologia (INAM), Instituto Nacional dos Transportes Terrestres (INATTER), Instituto Nacional de Hidrografia e Navegação (INAHINA), Moçambique Telecom (TMCEL), Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM), Linhas Aéreas de Moçambique (LAM), Instituto Nacional de Administração e Fiscalização Marítima (INAMAR), Instituto de Aviação Civil de Moçambique (IACM), Escola Superior de Ciências Náuticas (ESCN), Escola Nacional de Aeronáutica (ENA), Empresa Moçambicana de Dragagem (EMODRAGA), Fundo de Desenvolvimento de Transportes e Comunicações (FTC), Agência Metropolitana de Transportes (AMT), Correios de Moçambique (CDM), Transmarítima, Aeroportos de Moçambique (ADM) e do Programa de Desenvolvimento Espacial (PDE).
Janfar Abdulai apelou à contribuição de todos os intervenientes do sector para a concretização dos desafios definidos pelo Chefe do Estado, Filipe Jacinto Nyusi, no ato da tomada de posse. Desafiou as instituições a desenvolverem parcerias entre elas, de modo que não haja discrepâncias. Também apelou à realização de mais ações de formação e capacitação dos quadros, como mecanismo de alcance dos resultados do sector.
É preciso que haja interação e relacionamento, partilhando conhecimentos para que não haja situação em que algumas instituições de tutela em estado muito bom e outras não. Também precisamos de valorizar os recursos humanos, que são o melhor que temos. Há necessidade de revisitar e dinamizar os planos de formação institucionais. Assim, conseguiremos alcançar os objetivos que o Chefe do Estado deixou no seu discurso de tomada de posse”, disse Abdulai.
Outra orientação deixada no encontro refere-se à continuidade do processo de migração digital em curso no país, bem como à imperiosidade de tornar as instituições do sector mais produtivas na geração de receitas, de modo a garantirem a sua sustentabilidade.

Janeiro 2020

Bookmark and Share