Novo presidente dos Correios de Cabo Verde quer reformar a Instituição

2019-02-07
Fonte: Expresso das Ilhas
Foto por: Governo de Cabo Verde

Os Correios de Cabo Verde precisam de ser reformados e adaptados à era da economia digital. Posição defendida, no passado dia 18 de janeiro, por Isidoro Gomes, que tomou posse, na cidade da Praia, como novo Presidente do Conselho de Administração dos Correios de Cabo Verde.

Isidoro Gomes afirma que os Correios devem proporcionar o acesso ao sistema financeiro e a inclusão financeira dos cabo-verdianos que se encontram fora do sistema bancário
"A experiência em finanças e pagamentos é uma mais valia e vamos explorá-la, criando assim oportunidades para que as pessoas possam se integrar melhor na vida económica e promover a cultura da poupança e novas fontes de rendimento aos aforradores", explica.
Isidoro Gomes entende que os Correios de Cabo Verde devem manter um modelo de governança baseado na proximidade e interacção permanentes.
"No respeito mútuo e numa cultura de transparência, lealdade e responsabilização, na valorização dos recursos humanos, mediante incentivos produtivos", antecipa.
Os trabalhadores dos Correios de Cabo Verde (CCV) cumpriram em dezembro uma greve de dois dias. Em causa esteve a redução do subsídio de Natal de 100% para 60% do valor do salário.
O ato de tomada de posse de Isidoro Gomes, que era, até agora, Administrador Executivo da Bolsa de Valores, foi presidido pelo Ministro do Turismo e Transportes, José Gonçalves.
Como Administrador Executivo foi também nomeado Cipriano Carvalho e como Administrador Não-Executivo, Almiro Rocha.

Janeiro 2019

 

Bookmark and Share