ZAP e Federação renovam contrato

2018-11-18
Fonte: Jornal de Angola

A operadora de televisão por satélite, ZAP, e a Federação Angolana de Futebol (FAF) renovam na próxima semana o contrato de patrocínio do Campeonato Nacional de Futebol da Primeira Divisão, denominado “Girabola' ZAP”, época 2018/2019.

Em declarações ao Jornal de Angola, o Presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), Artur Almeida e Silva, considerou “prematuro” avançar o valor, mas adiantou que até à última temporada desportiva o contrato estava orçado em 150 milhões de kwanzas.
Relativamente ao valor e à data de assinatura do acordo, vamos anunciar na véspera. Por outro lado, recebemos a informação da redução do montante financeiro pela empresa patrocinadora. O motivo da diminuição ainda é desconhecido”, disse o Presidente. O facto de as equipas serem obrigadas ou não a transportarem nos seus equipamentos a logo-marca e outras questões em contratos desta natureza também serão esclarecidas na renovação do contrato.
Em relação aos direitos de transmissão televisiva, Artur Almeida e Silva argumentou: “Este assunto diz respeito aos clubes e à ZAP. Durante a assinatura do contrato todos os assuntos envolventes serão abordados”.
Com a entrada da ZAP, o Girabola deixa de ser gratuito, por se tratar de um canal fechado. Até 2015, os vencedores da maior prova do desporto-rei recebiam apenas troféus e medalhas sem qualquer valor financeiro.
O acordo de exclusividade válido por uma época, envolve também ações de promoção do campeonato, que conta com 16 formações inscritas.
No ano passado, o tricampeão nacional, 1.º de Agosto recebeu a quantia de 34 milhões e 400 mil kwanzas, a par do troféu.
A operadora portuguesa “NOS” controla 30 por cento do capital social da ZAP, sendo os restantes 70 por cento detidos pela Sociedade de Investimentos e Participações, da empresária angolana Isabel dos Santos, e iniciou a sua atividade no mercado angolano em Abril de 2010.
A ZAP pretende contribuir para um envolvimento cada vez maior dos adeptos do futebol, através da utilização das mais modernas tecnologias para a transmissão dos jogos e da dinamização de conteúdos”, no site do Girabola Zap.

Novembro 2018

Bookmark and Share