Correios do Brasil e Azul formam parceria para a criação de nova empresa de logística integrada

2018-01-07
Fonte: Correios do Brasil
Foto por: Correios do Brasil

 Os Correios e a Azul Linhas Aéreas anunciaram, no passado dia 20 de dezembro, a parceria para a criação de uma empresa de solução de logística integrada. A assinatura do memorando de entendimento foi realizada na sede dos Correios, em Brasília, seguida de uma coletiva para a imprensa com os presidentes dos Correios, Guilherme Campos, e da Azul, David Neeleman.

Segundo o presidente dos Correios, este é apenas o começo de um processo que ainda passará por diversas aprovações de órgãos e instâncias competentes. Na prática, a nova empresa oferecerá ao mercado o serviço de gestão de logística integrada para transporte de cargas, com potencial para se tornar a melhor empresa de logística para o e-commerce do país. A previsão é de que as atividades da nova empresa comecem em março de 2018.
A criação da nova empresa é um efeito direto da Lei 13.303/2016, a chamada Lei das Estatais, que permite a realização deste tipo de parceria sem necessidade de uma licitação para a seleção da empresa parceira. Haverá 50,01% de participação da Azul e 49,99% de participação dos Correios.
Neeleman esclareceu que a parceria não implicará custos a mais para nenhum dos lados, pois serão utilizadas as rotas das linhas normais da Azul, aproveitando uma ocupação de apenas 30% da barriga dos aviões, que será ocupada pela carga dos Correios.
Os Correios, por sua vez, dizem que mesmo que a carga transportada hoje não aumente no próximo ano, a parceria já representaria uma economia para a empresa da ordem de R$ 200 milhões por ano. “Além de conseguirmos reduzir substancialmente os atuais custos com transporte logístico dos Correios, receberemos os dividendos desse negócio, aumentando ainda mais a eficiência de nossa operação”, diz Guilherme Campos.
Segundo os Correios, uma das razões para a parceria ter sido fechada com a Azul e não com outra companhia foi a malha aérea da empresa, que atende o maior número de cidades no país. Campos também não descartou a possibilidade de essa parceria estender-se para outros países no futuro. “Para nós é uma oportunidade ímpar de fazer o Brasil ganhar um serviço de logística ainda mais eficiente. Somos a única empresa que chega a cada um dos 5.570 municípios do Brasil. Essa capilaridade, unida à malha da Azul, com mais de 100 destinos servidos, tem tudo para dar certo”, afirmou o presidente dos Correios.

Dezembro 2017

Bookmark and Share